quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

ventura

2h14 da manhã e eu aqui tentando ligar pro papai pra desejar Feliz Ano Novo mas sempre surge uma mulher falando holândes e não consigo entender.

Mas também estou acordada até esse horário porque tô arrumando minha mochila pra viajar amanhã E porque o amigo do menino aqui de casa resolveu trazer uma complicação pra minha cabeça, veio um amiguinho brincar de tarde e de noite o Bas coçando a cabeça e descobre que : TÁ COM PIOLHO. Não, sério, tá de sacanagem comigo? Desde então, eu não paro de coçar a minha cabeça. Deus, me livra desse mal!

Tirando que posso começar 2011 com piolho, quero falar do meu 2010 que foi uma volta IMENSA na minha vida, acho que um ano que eu posso falar : FOI BOM! Mas assim, foi bom de verdade. Todas as escolhas que fiz foram boas, percebi realmente que sou capaz de muuuuuita coisa, tô adquirindo paciência como nunca na vida e aprendi que CARA, SE ALGO NÃO ESTÁ TE AGREGANDO, MANDA VAZAR! Sério, tira da sua vida! Com toda a certeza do mundo está atrasando o seu lado. Aprendi a pensar mais em mim, assim como ninguém tem a ver com os seus problemas, você também não tem nada a ver com o problema dos outros, não se meta onde você não pode mudar nada e pior ainda se você estiver longe (oi), a qualidade dos seus pensamentos influencia muito na sua rotina, então procure pensar em coisas boas, planos, viagens etc. Eu tô parecendo Augusto Cury com esses papos, que chato. Aprendi também que se você quer algo, tem que agir..não vai cair na sua cabeça em uma manhã qualquer.
Esse ano foi BEM incomum pra mim, pra quem sempre tinha na cabeça que ia terminar a faculdade em 5 anos, trabalhar e morar em Manaus forever, hoje em dia já está bem diferente. Acho que foi isso que me livrei mesmo: COMODISMO. Eu era muito acomodada com as coisas, vivia reclamando e não fazia nada pra mudar, mantinha pessoas ao meu lado que só me faziam mal ...e tudo pelo vício do comodismo. Espero de verdade, nunca mais na minha vida cair nessa.
Só teve uma coisa no ano que eu me arrependi, e foi por uma coisa que eu fiz (melhor do que se arrepender por algo que não fez, certo?), mas a gente toma como lição. Fiz amigos, conheci lugares, realizei sonhos, chorei, ri, aprendi que nada é sempre como a gente quer e que mano, ninguém vai fazer as coisas por  mim, se eu não fizer, não vai ter quem faça. Odeio saber que já estou ficando velha e chega a hora de tomar decisões difíceis, eu realmente ODEIO isso, mas parece que o mundo conspira pra que isso aconteça. Eu nunca vivi tantas emoções na vida assim. Ainda mais quando você recebe uma ligação da sua mãe:

- Filha, estou mudando para o Rio de Janeiro. Onde tu vais morar?
- Erh..oi?

Essa é minha mãe. Linda, não?

Então, meu ano foi O MELHOR e obrigada a todos que fizeram toda a diferença.

Amanhã vou fazer minha listinha de coisas pra 2011, mas coisas que posso realizar, chega de colocar que vou conseguir um namorado tipo Caio Castro, porque NUNCA dá certo.

Feliz Ano Novo (tem que ser maiúsculo? eu criso muito com isso) pra tooooooodo mundo, que 2011 seja melhor que 2010 e que todos os seus desejos se realizem!

São 3h01. Tô ferrada.


E PAI, FELIZ ANO NOVO! Tentei lhe ligar e nada! Viajo amanha de manhã pra Alemanha e volto no domingo!

 Manda beijos pra todos e eu TE AMO.


Acabei de lembrar : 6 MESES DE HOLANDA OK

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

será que ele leu?

Meu Natal foi bem legal, obrigada por perguntar!

Acordei Sexta-feira cedo e fui tomar café pra dar o vazarES pra Amsterdam né, quando estava pegando as coisas pra tomar café fui lá na sala e perguntei pro host father "você quer um café?" e ele "MEU DEUS DO CÉU, EU QUERO". Deixa eu explicar o entusiasmo..
Eu nunca ofereço café, porque meu café é super fraco e fico com medo de ser rejeitada, mas ele mandou uma indireta pra mim no dia anterior falando que eu nunca oferecia café a ele, aí resolvi superar todo o meu orgulho e ofereci, mas então..

- Mas e você? Já fez seu café?
- Não não, pode pegar logo o seu.
- MEU DEUS, QUEM É VOCÊ?
- Pois é, tô virando holandesa. Água primeiro para os outros, café , suco, pão, última banana..
- VOU AÍ TE DAR UM ABRAÇO.

Eu recebi um abraço.

Alô? Alguém entende?

Ele veio correndo tão rápido que eu nem tive reação, fiquei dura hahahah foi bem engraçado, mas achei fantástico ter escrito sobre isso e no dia seguinte ele vir me abraçar. Será que ele lê meu blog?!
Me deu carona até a estação de trem e pra chegar em Amsterdam NA VIDA REAL tenho que pegar apenas 1 trem, mas como a neve é uma coisa muito legal fez com que eu pegasse 5 TRENS! demorei quase 5 horas pra chegar no meu destino. Agora me diz, como vou gostar da neve? Eu já odeio essa coisa, ela só é legal nos 3 primeiros dias, que dá pra você tirar foto, montar um boneco de neve e brincar de guerrinha.

Pronto.

Só isso.

                                   



Contar pra vocês algo que aconteceu hoje BEM HILÁRIO.
As crianças estão de férias (kdpaciência) e fui caminhar com elas no frio hoje, por umas florestas que tem por aqui, e o Tim sabe de todas e pedi pra ele ser o nosso guia, aí ele chega no lugar e fala:

- Rebeca, acho que isso é um sonho.
- O que menino?
- Eu tô sonhando, esse lugar não é o lugar certo.
- Então vamos pegar outro caminho, talvez seja em outro lugar.
- Rebeca, eu sei o caminho e eu PEGUEI O CAMINHO CERTO! Isso aqui é um sonho.
- Não é sonho! Eu estou acordada e te garanto que não é sonho.
- Como você sabe que está acordada?
- .................... (juro que nessa hora eu fiz uma cara de reflexão)
- Rebeca, você está no meu sonho! me acorda, me acorda.

Como pode uma coisa dessas gente? E o menino não estava brincando, ele falava muito sério e até comentou no jantar com a família toda que era um sonho.




          















quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Simone e o Nnatal.

Pela primeira vez vi uma árvore de Natal de verdade mesmo, folha de verdade e tudo mais. Tem aqui em casa, mas me pergunto, cadê meu espírito natalino?
Se eu estivesse no Brasil..eu não faço idéia do que estaria fazendo, já que minha mãe está morando em outra cidade e o papai em Manaus, onde eu estaria? Independente do lugar, estaria mais feliz e realmente sentindo aquele negócio de "caramba, já é Natal!" aqui eu realmente não sinto nada, só a música "ENTÃO É NATAAAAAAAAAAAAAAL E ANO NOVO TAMBÉM" se eu falar pra vocês que EU NÃO OUVI essa música mas ela veio automaticamente na minha cabeça, vocês acreditam? Eu canto esta merda o dia inteiro desde Segunda- feira, até ensinei as crianças a letra. Amanhã vou pra Amsterdam passar o natal com a Angela e a família dela que veio do Brasil (sentiu a minha carência? usando a família dos outros), mas é que ouvi falar que vai rolar uma farofa lá. Que sucesso, Brasil!
O povo aqui só comemora no dia 25 e não faço idéia das comidas doidas que eles comem, juro que não tenho curiosidade! Acabei de falar com minha prima de Manaus aqui surfando na net, e ela me disse que a galera acabou de chegar do supermercado com as compras de Natal.



Chorei.



Minha família nunca foi muito grande, meu natal é sempre com poucas pessoas, mas sempre agradável com a comida da vovó e a farofa da mamãe, a Sarah correndo na casa, a Talita com sono, o papai recebendo os convidados, a vovó na cadeira de balanço se abanando, a mamãe conversando com todo mundo e eu esperando o jantar sair.
Alguém lembra como era legal tooooooooda aquela expectativa do Natal? Ir ao shopping só pra comprar roupa e tal hahahaha como era legal, lembro que ano passado eu nem ligava mais pra isso. Tô velha.

Família, amigos e Au PairS FELIZ NATAAAAL! Que Deus abençoe vocês e aproveitem o dia pra ficar com a família, fazer amigo oculto, ganhar presente ruim, aturar alguém da família que bebeu demais, tomar bastante Coca-Cola com a foto do Papai Noel e ouvir dos familiares como você cresceu, se arranjou namorado novo ...essas coisas que a gente não curte tanto na hora, mas só depois sente o valor e a falta que faz.

Conclusão: é uma bosta saber que vai passar o Natal sem sua família por perto, sem rabanada E sem sua nova sobrinha por perto, portanto, estou sem espírito natalino.


Beijos.

P.S: Eu nunca sei se devo escrever natal com o N maiúsculo ou não. Alguém sabe?

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

dá um abraço, vai

Oi pessoas que recebem abraço todos os dias.

Eu sempre fui muito fã de abraços sabe, sempre sempre E SEMPRE. Acho que abraço ajuda em qualquer situação, se algum amigo desabafa e você não sabe o que falar..dá um abraço que já diz muita coisa, tá feliz ABRAÇA, e se tá triste é só esticar os braços pra qualquer pessoa amiga que ela entende a dica.
Tô meio assim, porque aqui eu não recebo abraços. Eu sei que nos primeiros meses eu já saquei a mentira do "você vai ser parte da família" você nunca vai ser, e depois de um tempo você nem quer também. 
A minha família daqui gosta muito de vinho, sempre rola uns vinhos de todo lugar do mundo e como eu estava em Portugal eu lembrei deles e resolvi trazer uma garrafa de Natal pra eles, mas como eu não me aguento e não vou passar o dia com eles, eu dei hoje depois do jantar. Foi assim:

- Gente, trouxe um vinho pra vocês de Portugal.
- UAU Rebeca, muito obrigada mesmo! Adoramos!
- Pois é, sei que vocês gostam de vinho e é natal e tal, por que não, certo?
- Poxa, obrigada mesmo.

................................................

O que você acha que os pontinhos representam? O MOMENTO QUE DEVIA ROLAR UM ABRAÇO.

Não teve, eles só me olharam  e agradeceram e eu doida esperando um abraço. Assim, não os culpo, vai ver é a cultura ou medo de intimidade, já que sou a sétima Au Pair da família. Mas poxa, vocês me entendem? Eu subi as escadas pro meu quarto e fiquei pensando sabe...e tô triste.

Vai ver é o clima natalino e a música da Simone que não sai da minha cabeça.

Eu amo abraços, quando encontro as meninas daqui eu vou logo dando um abraço, até pessoas que vou conhecer no dia eu já dou abraço. O problema sou eu? Enfim, você que está aí na sua casa linda e tem quem abraçar, agradeça. O mistério que rola é sobre o meu aniversário, será que vou ganhar abraço?

VOU NÃO VOU? Fica o mistério.

Eu ando bem cansada, porque as crianças estão de férias e eu tenho que ficar com elas o dia todo e é bem chato, já desisti da maternidade várias vezes, eu sei que só se desiste de algo uma vez, mas eu desisto da maternidade várias vezes seguidas pra realmente nunca mais voltar a ter essa idéia na vida.






Beijos da terra sem abraços.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

oras pois!

Ai gente, eu tô viva!

Cheguei de Portugal na Sexta- feira, depois de 1 semana por lá..

Foi uma delícia, ein?

Saí daqui na sexta com o coração na mão de nervosa, pra ver a Raissa/se ela tivesse me esquecido e eu ficar perdida no aeroporto, foi a primeira vez que viajei de Ryanair, pra quem não sabe..é onde eu encontro passagem mais barata dessemundo! O problema é que parece o 209 vindo do centro, eles VENDEM tudo, dormir é a única coisa que você não consegue, mas você desenvolve vários processos de loucura. Você tem vontade de matar toda a tripulação. Sabe quando tu cai no sono? Vem uma voz "SENHORAS E SENHORES, TEMOS AQUI ESSA RASPADINHA". AAAAAAARGGGGGH! Se tivesse escala, tenho certeza que ia entrar vendedores ambulantes com bala pra vender.
Mas enfim, depois de muita loucura no voo, cheguei no solo português!

O clima tava COISA DE DEUS, 15 graus..isso virou verão pra mim. Eu sorria à toa ..
Quando vi a carinha da Raissa linda me esperando foi tão lindo, nem consigo expressar o que eu senti, dei um abração naquela bicha linda e já me senti em casa. Na mesma noite saímos para dar uma chance a noite portuguesa, e fui pra um lugar chamado "Piolho". Oi? Pra quem só frequentava MUSIQUE ALL NIGHT ...fica a dica aí da revolução da Raissa Chaves. Na verdade, Piolho é uma café que fica em uma praça imensa e o povo fica jogado lá conversando, que legal hã? Mas foi legal sim. Conheci uns amigos dela da faculdade e cheguei a seguinte conclusão:

QUE PORTUGUÊS É AQUELE?

Você não entende na-da, eu forçava a minha mente pra tentar entender, mas tava bem difícil. Então pessoas, não se iluda..não é tão fácil assim. Eu fingia que entendia, era mais fácil falar inglês que português. A noite foi muito booa, mesmo mesmo, conhecemos pessoas no meio da rua, tatuadores e mudos. Até cair no meio da rua e rir 15 minutos no chão foi bom.

No outro dia, fomos fazer passeio de turista e andar por Porto, ir nas caves de vinho, andar pelo rio (rio?), comprar calça jeans..você percebe que já não está na Holanda pelo clima e pelas roupas penduradas na janela. Tão Brasil, né? Sem falar que não vi pessoas loiras, Deus seja louvado. 
Nesse mesmo dia encontramos o André de Coimbra que passou o dia com a gente turistando e saiu a noite, sabe aquela noite que você não queria sair, pensa que tudo vai ser uma merda? MAS AÍ É LEGAL PRA CARAMBA? Pois é. Não posso dar muitos detalhes, mas mesmo além de algumas coisas foi muito bom. Eu virei fã do tal lugar chamado Piolho.
No domingo a Raissa me levou na praia, ai que delícia gente..MUITO linda mesmo.




Na segunda peguei o trem para Lisboa, e como tenho muita sorte..só senta gente estranha ao meu lado, É INCRÍVEL, não importa o meio de transporte que eu pegue VEM sempre gente estranha, o menino era tão grande que eu não consegui me mexer direito, mas depois de 3 horas cheguei lá e encontrei a linda da Cris, aaaaaaah esse momento foi lindo, tanto tempo que não via aquela branquela que brincava na máquina de dança do Amazonas Shopping quando tínhamos 12 anos. Fizemos um passeio turístico com os amigos dela e fomos pra casa. No dia seguinte fomos a Belem SÓ QUERIA COMER O PASTEL um lugarzinho bem bonitinho, e que não se pode deixar de ir. Só que o tempo não ajudou, né? Tava um NEVOEIRO sem fim manazinha, estragou minhas fotos, mas valeu a pena. Comi que só um pedreiro, lá tem o famoso pastel de Belem que ARRÁ MANO vai ser gostoso assim lá, ein? Comi sonho e coxinha, eu poderia dormir depois desse dia e acordar só no Brasil mesmo. Depois de andar que nem um camelo, voltamos pra casa (Tia Vanja linda e eu) e a Lívia foi me buscar pra passearmos de carro porque somos chiques SÓ que o nevoeiro não tinha passado e não deu pra tirar foto de nada, única coisa que dava pra tirar foto era do CaSSino mas não era permitido. Legal, não?
No outro dia me joguei sozinha por Lisboa pra conhecer o Castelo do São Jorge e ir onde eu tinha ido na noite anterior que não vi nada, era uma ladeira DO CÃO pra chegar no tal do castelo, mas eu não tinha noção e fui a pé mesmo, no meio do caminho eu sonhava com um homem pra me carregar com um ônibus, mas até que cheguei e sabe quando você anda por um lugar tão bonito que você se pergunta :

Sério que estou aqui?!






É bom você andar sozinha assim, você pensa muito e ao mesmo tempo não pensa em nada, entende?
O ruim é que você não tira muitas fotos legais pra colocar no facebook pra tirar onda com os gatinhUS.

Fiquei tão lesada que desci toda a ladeira para o lado ERRADO, eu descia e nunca chegava na estação de metro que eu conhecia, até que resolvi perguntar e me olharam com aquela cara de "haha coitada" e tive que subir tudo que já havia descido pra pegar a direita e descer novamente. Que merda, ein? Pelo menos perdi as calorias de 125Kg de picanha que comia todos os dias no almoço. No meio do caminho, achei uma loja com umas bolsas lindas, sabe? Veio o dono falando que eu já tinha desconto, pois eu era indiana.

OLÁ?

- Mas eu não sou indiana.
- Você tem piercing no nariz, gostou da bolsa, combinou com a bolsa. Vem dizer que não é?
- Não sou.
- Você gosta de indiano?
- Não sou indiana.

E mesmo assim ganhei desconto. Sou linda e indiana né?

Depois que finalmente achei a estação, me mandei para a Expo (lugar bonito do nevoeiro) e onde tem o Oceanário, que é bem bonito! Fiquei impressionada mesmo, na real eu fiquei impressionada com tudo, porque eu sou do mato. Almocei picanha com arroz e feijão preto.



MOMENTO DE PRAZER.

Depois de 3 dias em Lisboa voltei pra Porto pra encontrar a Raissa cara de doida de novo e fomos pra uma festinha acadêmica...EW MANOLO, foi legal! galera jovem e fila do banheiro IMENSA.
Olha, não sou a doidona da noite mas essa foi a maior fila de banheiro que já enfrentei na vida e a que eu estava mais apertada também. O legal é que você faz amizades estranhas, conheci uma menina sem vesícula, outra sem um rim..e conversamos horrores mas isso não fazia minha vontade de fazer xixi passar. 

Portugal tem tudo do Brasil, toca até música do cachorro grande na rádio. Tem Jorge e Mateus, Calypso..você tá no ônibus e tá tocando "NADA MAL, CURTIR O TERRA SAMBA NÃO É NADA MAL" mal ou maU? Vocês entenderam.

Comi picanha quase todos os dias, feijão preto e mousse de maracujá E TOMEI GUARANÁ ANTARCTICA (eu não sei como escreve direito). Meus olhos brilhavam quando via essas comidas de fácil ace$$o nos cantos. Eu estava bem orgulhosa de mim, porque nada estava dando errado, não tinha me perdido seriamente etc e tal. Na manhã que saí de casa pra ir ao aeroporto com a Raissa, no meio do caminho, dentro do ônibus uma dúvida surgiu na minha mente:

Vi meu celular hoje?

Não, eu não tinha visto e sim, esqueci na casa da Raissa. PENSE NO DESESPERO! Depois da Raissa ligar pro taxista, ele não entender nada do que ela falava, nos achar na rua levou uns 20 minutos e o avião lá..peguei o táxi, cheguei na casa e KD O CELULAR MANO? Não tinha, não tava, ninguém viu. Desisti e corri pro táxi, até que no meio do caminho o celular do nosso melhor amigo taxista toca e era a doida falando que tinha achado o meu celular, AÍ VOLTA pra casa, pega o celular e volta pro engarrafamento pra chegar no aeroporto e fica pobre, né? Parecia coisa de filme, saí correndo pela porta do aeroporto pra não deixar meu namorado pegar o voo de volta pra casa com uma mochila do meu tamanho nas costas pra ver a fila do check in do tamanho de uma centopéia. HUM.....

Mas o André me achou e fui pro começo da fila e deu tudo certo.

Infelizmente voltei pra Holanda e aqui tá um frio do cão, neve até o tucupi e não tem picanha. Nem minhas amigas lindas.

Me senti em Manaus por 1 semana, só que não tava quente, tinha pessoas bonitas, ninguém ligava o jeito que você se vestia, não tinha gente fresca e tinha gente bonita (de novo, pra fixar)


Obrigada Raissa, Tia Perina, Antonio Carlos, Tia Vanja, Cris, Lívia e o namorado francês, as pessoas que conheci na rua e não sei o nome e as amigas da Raissa.


Vou escrever as diferenças do nosso português pro deles, saca só.

Não estou entendendo nada = Não estou a perceber nada.
Tu tá estudando? = Tais a estudar?
Quero ir ao banheiro = Quero ir a casa de banho.
Você é bonita = Você é gira
Que lugar legal = Que lugar fix (lê-se FISHE)
Parada de ônibus = Paragem
Celular = Telemóvel

Tem um monte que esqueci.


A Raissa tá falando assim já, a Cris tá bem portuguesa e a LÍVIA já não entendo nada do que ela fala.

Depois de 6 meses longe de casa, me senti EM CASA de novo. Valeu Portugal!



Beijoooooos!





sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Amor maior do mundo.

                                    E o que seria da minha vida sem você? É o amor maior do mundo.


FELIZ ANIVERSÁRIO MÃE!


                     Melhor amiga, melhor companhia, melhor conselheira - é a melhor parte que eu tenho.


         E que cada dia que passa tenho mais certeza que Europa nenhuma supre o bem que a senhora me faz.



quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

OI SOU LINDA

E HOJE É UM DIA BEEEEEM FELIZ!

Minha sobrinha, Raissa, NASCEEEEEEEU! Eu queria muito ter o poder de me teletransportar pro ladinho da minha irmã e ter visto tudo, mas nem tudo é perfeito e eu tô aqui congelando e morrendo de saudades!

                                    

Não é linda? Asssimm, de verdade linda mesmo! Porque um monte de criança nasce feio que só o cão, mas ela é linda demais..e tem o nariz da Paloma! 
E falando nisso, como pode ein? Eu brincava de manja pega com a Paloma um dia desses e agora eu sou tia, não tem noção do quanto estou me sentindo velha nesse momento.

Muuita saúde pra Raissa, porque eu sei que amor ela vai ter E MUITO! 

Daria tudo pra estar com a minha família agora :(

Amo vocês.



segunda-feira, 29 de novembro de 2010

sIgura!

Eaí cabocada!

Gente, vou contar histórias atrasadas, porque sabe né..eu tenho PREGUIÇA!

Na sexta-feira tive que trabalhar o dia todo, estava com 5 crianças em casa e pirando meu cabeção, até que descubro que o segredo da felicidade e paz interior é colocar música e aqui TEM que ser Michael Jackson.

se liga nesse levantando a camisa..leleskepiranha.


Eu sei que só tem 4 na foto, o outro estava brincando de carrinho, provavelmente com vergonha alheia dos amiguinhos dançando.
De noite minha família me convidou pra ir jantar na Bélgica UMDIADEFINA e fui né, porque comida eu não recuso nunca e muito menos se for na Bélgica, era um restaurante italiano e pedi macarrão com frutos do mar GGGGGZUUUUUUUUUUZZZZZZZ que coisa boa! Comi camarão!
Aí no final chegou uma carne e eles pediram pra eu provar, era deliciosa! No último pedaço meu host fala :

- Rebeca, gostou?
- Nossa, adorei.
- Come esse último pedaço.
                  (rebeca mastigando)
- Olha que bom! Você acabou de comer BAMBI!
                 (Rebeca mastigando BEM DEVAGAR quase parando)

EU SOU UMA ASSASSINA! Sabe, me senti muito mal por ter comido aquele animal fofinho e o pior é que eu gostei muito da carne, na verdade, estou salivando aqui, pronto falei! Lembrei de quando assisto Bambi sempre choro quando ele perde a mãe dele e eu estava lá comendo o bichinho.

Desculpa reino animal :(

No sábado fui encontrar a galere pra irmos ao Karaoke Bar, gente, me diz como eu fiquei tanto tempo sem ir nisso? Me diverti demais! Tem vários vídeos mas ainda não me passaram, mas deixo vocês com uma foto.

                                                                   Parceiras.

Eaí? Sentiu a tensão? Seeeeentiu nada! A galera se amarrou na gente, cantamos de Spice Girls até a famosa MACARENA (sem excluir meu grande rei Bon Jovi que foi prestigiado com minha linda voz)! Me senti cantora mesmo, porque a gente cantava e todo mundo acompanhava na dança, coisa de louco! Temos fotos no site do bar que eu não vou colocar aqui, porque ainda me sobrou vergonha na cara ok? 

E como esquecer do fato que:

                                                             CHUPA ESSA MANGA!



TÁ NEVAAAAAAAAAAAAAANDOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO! A neve é mesmo linda e fiquei emocionada quando vi os floquinhos caindo pela minha janela, sou índia (com acento ou sem acento?) mesmo :)

E TÁ FRIO PARA CARAMBA! E adivinha? Ainda nem é inverno e a temperatura já está negativa.


quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Vai vendo..

Oi, como vai?

Estava pensando sobre coisas estranhas, aí lembrei dos hábitos estranhos daqui.

Começando pelo horário do jantar, moçada aqui janta 17h30 - 18h E DEUS ME LIVRE ATRASAR! A galera vai a loucura. Além de comer batata todos os dias, é batata com : cenoura, tomate, pão, uns vegetais que não sei o nome e lógico acompanhado da belíssima companheira LINGUIÇA/SALSICHA, nem sei mais a diferença disso, mas vocês entenderam. E assim, você tem que esperar todo mundo começar a comer e aí sim você está liberado a comer. Colocar água no seu copo primeiro que o dos outros? NANANINANÃO.

- Rebeca, o jantar está na mesa!
- Hoje não vou jantar, obrigada.
- Ok!

O diálogo acima NÃO EXISTE! 

Hora do café da manhã :

- Não vou jantar hoje.
- Ok.

Isso sim EXISTE. Você tem que avisar com antecedência a parada, se não eles ficam chateados, afinal eles fritaram um bife a mais para você. E falando nisso, lembrei que aqui é uma carne pra cada, repetir carne? OI? existe não..eu como a carne bem devagar e corto bem pequeno os pedaços pra comer com a batata né.
Um dia desses aqui por casa estava quase na hora do jantar, aí chegou a irmã da minha host e foi ficando atééé dar a hora do jantar, você acha que ela jantou com a gente? QUÊISSO! Não existe! A mulher ficou olhando geral comer e ela chupando dedo, não avisou que vinha comer? ou melhor, não te convidaram e você veio porque tava passeando com o cachorro e resolveu dar uma paradinha? Não adianta, não come. Eu me senti mal esse dia, quase ofereço um pouco do meu prato hahahah.

Sempre tem sobremesa depois da janta (oi 7Kg) e eles não curtem muito quando você recusa sabe, tipo : aah, estou satisfeita, obrigada. Como? Você não gosta desse doce? E desse outro aqui? COME MENINA.
E a dieta? como faz?


Mas tá, aí você resolve dar presentes pra galera, fazer aquele social. Eles abrem tudo na hora, e se for roupa eles vestem na hora também : OLHA REBECA, SERVIU DIREITINHO.

Oi?

Aqui no quintal tem uma banheira de hidromassagem (sonhoo de uma noite de inverno) e eles vão depois da janta, todo mundo nu siquerendo! Nessa hora eu nem olho na janela, com medo de ver algo que não estou afim. 

Tá rolando uma tempestade lá fora e você tem que ir de bicicleta pra estação e pegar o trem.

- Oi hehe, com licença. Você pode me deixar na estação? É que tá chovendo muito..
- E? A única coisa que pode acontecer é você se molhar.

Eles simplesmente não se importam com a chuva aqui, tudo bem que já estão acostumados a esse clima de merda da Holanda, mas MANO vai pedalar chovendo pra você ver! Juro que as gotas de água se transformam em pequenas pedrinhas, aquelas de aquário sabe? batendo no seu rosto! E o vento? Parece que ele fica mais forte nos dias que tenho que ir pro curso, sinto meu nariz dar uma congelada.

Uma coisa que me deixa assim, CHOCADA é o jeito que eles lavam a louça. Tente imaginar, ok?

Uma bacia com água quente dentro, um pouquinho de nada de detergente. Enfie as louças lá e depois só esfrega com uma escovinha (escovinha que passa pela cozinha toda) NÃO tira o sabão da louça, seca e guarda no armário. Isso só com a louça que não coube na lavadora. Mas sério, que coisa nojenta! Imagina a última coisa que eles lavam, pega a sujeira de todos os pratos anteriores e ainda esfrega e NÃO ENXAGUA! Um dia desses quando pensei que ninguém estava vendo, fui lavar do jeito LIMPO, mas o host tava atrás de mim e nem percebi, chegou no meu ouvido "nanananinanão rebeca, não é assim que lava"

OI?

Aniversário de criança é bem engraçado, hora pra começar e terminar E não pode levar seu irmão, mesmo que eles se conheçam. Pai nem mãe são autorizados a ir, é só a criança mesmo..e esquece aqueles bonecos enormes, cama elástica, bolo 5 andares e docinho. A parada aqui é torta com coisas estranhas, pepino, tomate, nuggets e suco de frutas. Coca-cola por aqui acho que não lucra, juro! Desde que cheguei nessa casa, nunca vi uma garrafa de refrigerante.


Caminho da estação de trem..

- Rebeca, qual o horário do trem que você vai pegar?
- Sei lá, o que tiver por lá.
- COMOASSIM VOCÊ NÃO SABE O HORÁRIO? Isso é inacreditável, nunca saíria de casa sem saber o horário!
- Mas menino, tem trem de 15 em 15 minutos, por que preciso ver?!
- Ai brasileiros..


Nunca na sua vida OUSE em chegar 5 minutos atrasado em um compromisso com algum holândes, morte morte morte morte!

Ai, só consigo lembrar desses, mas sinto que tem mais coisa estranha pra contar. Próximo texto conto sobre o Papai Noel daqui! =)

Beijos



segunda-feira, 15 de novembro de 2010

OI AZAR, BEIJO

Tudo começa quando você consegue uma carona pra Amsterdam de ida e volta e pensa : WOW, tem coisa melhor?

Você vai com a sua amiga querida, compra seu casaco de frio, encontra com sua amiga que estava indo embora de volta pro Brasil, ri bastante, se diverte, dá abraço de tchau e vai encontrar sua outra amiga de volta (a que veio com você de carona) mas o lugar era meio longe da onde ela estava..e é quando tudo começa.

Tinha que ir pra casa da Iohanna, trocar de roupa lá , pegar a bicicleta e todo mundo se mandar pro centro, mas meu trem demorou demais e acabou que todo mundo se encontrou no centro mesmo. Pequeno detalhe: estava de mochila, e a sacola com o casaco de frio..é estilo sair na night assim. Aí depois da diversão, era hora de voltar pra casa, a dona da casa vai na garupa do namorado, eu com uma bike e jéssica na outra..maaaaas é lógico que a gente perde a Iohanna (dona da casa onde íamos dormir) de vista, porque eu acho que o namorado dela pensava que tava participando de uma maratona mano, aí começa a peregrinação de ligar e ouvir as drireções e se perder por 2 horas, de madrugada E NA CHUVA. Chegamos em casa 6 horas da manhã, molhadas e ainda tive que dividir um colchão de solteiro com a gorda da Jéssica. 
Acordo com dor no corpo todo, sabe quando você malha muito e no outro dia quer se matar? Pois é. Fomos pro centro de bicicleta, peguei a bike da filha do host da Iohanna, e a jéssica na minha garupa, tava TUDO indo muito lindo até que nos desequilibramos na ciclovia, e estava vindo uma bicicleta do nosso lado, caímos em cima do cara, machuquei a minha mão e o homem ainda grita : COMO VOCÊ É BURRA! eu só respondi : EU SEI MEU SENHOR, DESCULPA! quando você assume a pessoa sempre fica sem o que falar, mas aí ele aponta pra minha bike AÍ QUE VEJO a roda da bicicleta tava tipo um S, juro que nem sei como isso aconteceu, não tem explicação! a dona da bicicleta vira e fala: COMO VOU PRA ESCOLA AMANHÃ? e eu pensava : COMO EU VOU PAGAR ISSO MEUPAIAMADO? Depois de 30 minutos, todo mundo pisando nos ferros da roda, desentortamos e ficou tudo lindo -UFA! Depois de tudo isso, resolvemos ir de tram mesmo. 
Esperamos a ligação da família da Jéssica sobre nossa carona de volta na estação central, aí resolvo comprar logo meu ticket de volta pra casa da cidade da jé, mas aí que meu cartão fica com palhaçada de falar que não tenho mais dinheiro - OI? COMO ASSIM? - tento o outro cartão, mas NINGUÉM aceita, sorte que tinha gente me devendo. Pegamos a carona e quando chego na estação de Eindhoven, o lugar que você pode comprar o ticket com dinheiro tinha acabado de fechar, as máquinas só aceitam moeda e eu só tinha nota em papel, faço cara de choro e vou no cara de uma lanchonete e ele me dá moeda e compro a merda do ticket, pego o trem e chego finalmente na estação de trem perto da minha casa, pego um ônibus que MANO, DEMOROU 1 HORA PRA CHEGAR no lugar que se eu tivesse ido andando..chegaria em 20 minutos, respirando fundo porque estava ficando BEM tarde e UM VENTO anormal na rua, eu olhava pela janela do ônibus as folhas voando, ninguém na rua..e o medo subindo pela espinha. Eu tinha certeza pra onde estava indo, mas aí o motorista para e fala "é aqui que você desce, último ponto" - AHN? MAS QUE LUGAR É ESSE? - mas o cara não falava inglês e queria era logo ir embora, aí você lembra do único amigo que você tem que tenha carro, manda msg e ele te liga pra saber onde você está, você não consegue nem pronunciar o nome da rua e ele pede pra você mandar por mensagem (isso tudo já era meia noite), escrevendo a mensagem e A BATERIA DO SEU CELULAR ACABA! Nessa hora eu olhei pro céu e perguntei : O que eu fiz, me diz? Um cara veio até mim e perguntou se estava tudo bem, conto minha história e ele RI. E quem disse que eu sabia o número do meu amigo de cabeça? não sei nem o meu! O cara ligou pro táxi e lá vou eu gastar o dinheiro que eu não tenho, porque não estava nem mais passando ônibus essa hora. Chego em casa, ligo o celular e adivinha? o menino estava na rua me procurando. LEGAL NÉ?

Lembrei de um post de Agosto, que os meninos vieram pra cá e só deu merda em Amsterdam, era uma sexta-feira 13. Tudo deu errado pra mim a partir do dia 13 DE NOVO. Que coincidência, não?



Saldo do final de semana:

1. Perdi um amigo.
2. Tenho ódio de Amsterdam.
3. APRENDI QUE NÃO VOU MAIS SAIR DE CASA QUANDO FOR DIA 13.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

baila comigo

Depois de dopada, CHEGUEI EM PRAGA!


Mas tínhamos que ficar esperando na estação, porque o albergue ainda estava fechado..eu tava quase pra me jogar no chão e dormir em cima da minha mochila. Deu a hora e resolvemos ir a busca do albergue, galera GROSSA mano, ninguém queria ajudar..eles sabiam falar inglês, mas simplesmente não ajudam, até que um menino que viu minha cara de desespero.

COMENTÁRIO FORA DO ASSUNTO:
Eu acho que realmente expresso meu desespero muito bem, porque não teve uma vez que eu estava perdida e alguém não tenha me parado : Você precisa de ajuda? É INCRÍVEL! Queria que me filmassem quando eu fizesse essa cara.

Voltando, ele nos levou pra tal rua, mas adivinha? era errada, lógico. Depois de idas e vindas, chegamos e fomos pro quarto, 8 PESSOAS MANOVELHO, a sorte que era tudo menina, conheci umas americanas mas elas estavam indo embora no dia que cheguei. Andamos pela cidade, tudo por lá dá pra ir andando (perca peso pergunte-me como), andamos, voltamos pro quarto E FINALMENTE EU DORMI, foi tipo um sonho, eu estava andando igual um zumbi na cidade.
No outro dia pegamos um Free Tour (mesmo esquema de Berlim) andamos, ouvimos aí a gente percebeu que tava sem grana, E AGORA BIAL? Pensamos o seguinte : Bom, tem muita gente no grupo, ele não vai notar se a gente não der. Mais ou menos 5 minutos depois o guia chega em mim perguntando da onde eu sou, que tá indo pro Brasil em Janeiro, tem amigo não sei onde não sei o quê, ou seja, o plano não deu certo..porque ele já sabia quem nós éramos. Andamos mais, ouvimos mais e quando a gente sentiu que ia acabar o tour, a gente jogou um golpe de "AH, VOU TIRAR UMA FOTO BEM ALI" e voltamos? NAAAAAADA. Até hoje me sinto mal por ter feito isso, porque o cara era muito gente boa E BONITO.
A minha amiga foi embora de noite e eu fiquei jogada sozinha, sorte que 2 holandesas me adotaram e ficamos best friends forever. Elas eram meio sem noção da cabeça, mas super engraçadas.
Em Praga, tem uma das maiores boAtes da Europa Central, a parada tem 5 andares, cada um com um tipo diferente de música e blablabla, elas me convidaram e eu topei, mas antes ficamos na salinha lá interagindo com o resto do povo. Conheci um americano que tinha uma garrafa de absinto novinha. Pra quem não sabe, Praga é famosa por causa dos absintos também.

Estava lá, o americano me ofereceu, POR QUE NÃO? Dei UM (é verdade mãe e pai, foi só um) gole, mas foi suficiente pra acabar com a minha vida, passei tão mal..de verdade. Nem fui pra maior boAte de todos os tempo da Europa. No outro dia, acordei ZONZA e tive que trocar de quarto..troquei de quarto e conheci uma australiana (eu nunca forcei tanto a minha mente pra tentar entender o que ela dizia) muuuito gente boa, a menina tá viajando o mundo todo, porque ela tem 3 meses de férias. OLHA que inveja! No outro dia chegou uma da Grécia, louca de pedra mas muito muito muito gente fina, eu dei sorte de encontrar essa galera que tava sozinha, porque todo mundo se juntou e saíamos juntas.

No último dia (domingo) a da Grécia queria ir no pub e tal, e lá fomos nós.
 Essa vai para os amigos que curtem uma cerveja, Praga tem uma das melhores cervejas do mundo.......POR 40 CENTAVOS! E tipo, 40 centavos é o maior copo! haha eu não curto cerveja, mas tive que provar, é suuper gostosa mesmo, não é tão azeda como o resto. Morreram de inveja? ok. Eu já estava caindo de sono e olhando pra australiana, tipo "a gente precisa dar uma desculpa pra ir embora cedo" porque nós tinhamos que fazer o check out 7h da manhã do dia seguinte.

É a mesma situação que eu passava quando eu queria ir embora e a Débora não hahahaha.

Enfim, convencemos a criatura a voltar pro albergue, quando estávamos abrindo a porta do pub, a garçonete corre em nossa direção "vocês são tão legais, isso é pra vocês"
3 ENTRADAS PRO CLUBE DE 5 ANDARES. Mano, sério? quando é coisa de graça, o sono até passa.

Lá fomos nós.

Só tinha turista que ia embora no dia seguinte, porque quem é que vai pra festa no domingo né mano? Rebecah Keyce.


No começo eu estava assim, tímida sabe..mas quando começou a tocar umas músicas legais, não pude me conter.

Quando tocou MACARENA, parecia coisa de filme, todo mundo em filas, dançando sincronizado hahahahahHAHAHAHAHAH foi o melhor momento da minha vida eu acho.

Sei lá, de longe posso falar que desde que cheguei, foi a noite que eu mais me diverti.

Conheci um monte de gente que eu sei que nunca mais vou ver na vida haha, mas e aí né? Lembro de um menino:

- Oi, da onde você é?
- Brasil
- Mas onde fica?
- América do Sul, oras.
- DÃ, QUE CIDADE
- AAAAAAAAAH tá. Manaus, e tu?
- ayugeuyguyah
- QUE?
- aheja3782s
- Cara, da onde?
- 288frb92872
- Erh..de novo?
- CANADÁ PORRA!

Essa galera da night não tem muita paciência.

Chega outro:

- Então, você é do Brasil?
- Sim.
- Que cidade?
- Manaus
- Caramba, sério? Qual é o nome da cobra que se você chega perto ela te ataca?
- Rapaz, todas? haha
- Não, tem uma específica..tu sabe o nome?
- Mano, todas te atacam se você chegar perto!!!!11
- Po, tu mora lá e não sabe, pff que burra.

Minha cara de : Oi? Tem gente que merece um chute, né? Vontade de mandar ir no Google.

Ah sabe, fiz valer a pena meu último dia, principalmente dormindo somente 2 horas, e tentando encontrar o aeroporto igual uma retardada, o aeroporto tinha 28637826378 terminais. Eu lá sabia qual era o meu, mas enfim, deu tudo certo e cá estou.

Praga é linda, mas é uma cidade pra você ir com família ou namorado, é tão linda..que te deixa triste quando você anda por ela sozinha haha.


Enfim, beijos!



Ia colocar fotos, mas meu computador não tá deixando!

terça-feira, 26 de outubro de 2010

abre o olho!

Depois de 4 dias em Berlim..hora de ir pra Budapeste!

Esse trajeto foi feio de avião, foi a primeira vez que viajei pelas compaNHias aéreas daqui, deixa eu te explicar COMOFAZAPARADA!
Você passa pelo portão e vê uma fila gigante, você procura o número da poltrona no cartão de embarque, mas cadê?

- Ana, onde você vai sentar?
- Onde eu quiser, MENINA aqui ninguém tem lugar não, tu corre e pega o lugar que tiver, sobrar etc.
- Oi?

Pois é minha gente, imagina todo mundo correndo, subindo nas escadinhas do avião atrás dos melhores lugares e a minha cara de chocada com a situação e rindo ao mesmo tempo, até que consegui ficar na janela. E a fome? serve nem amendoim, até água você tem que pagar.

CHEGAMOS EM BUDAPESTE!

Tava meio de noitinha já, apanhamos pra máquina de comprar o ticket de trem..língua muito estranha, parecia japonês. Encontramos o albergue, deixamos nossas coisas e fomos dar uma volta. A cidade é LINDA, e mais linda ainda quando tá toda iluminada. Acho que foi uma das cidades que eu mais gostei, cidade bem grande, movimentada, cheia de lojas, restaurantes e coisas pra fazer. Andamos bastante, atéé a ponte que separa Buda de Peste. Ah! A gente ficou no lado Peste. Voltamos pro albergue e dormimos lindo pra acordar cedo e fazer toda a parada turística, afinal só tínhamos 1 dia pra conhecer tudo. Saí mais cedo porque tinha que achar o lugar pra comprar minha passagem pra Praga, porque afinal SOU EU NÉ? Eu tinha esquecido de comprar HEHE. Quando cheguei na estação, descobri que a agência era do outro lado da rua, mas pra atravessar maaaaano, sabe aquelas ruas de São Paulo que NÃO É PRA ATRAVESSAR! Tipo, não tem nem faixa, tinha até trilho de trem..e pensei : Como faz então? Saí correndo que nem uma louca retardada, hahaha foi bem engraçado, não sei como não morri. Depois descobri QUE existe uma passagem subterrânea para se chegar do outro lado da rua, olha que lindo, não? Comprei a passagem e fui me encontrar com a Cris no outro lado da ponte pra gente ir na parte Buda (que é a parte turística, cheia dos castelos etc) você tem que subir um morro alto para cacete e tem um transporte lá que te leva (pagável) ou você vai na louca subindo o morro. Você é Au Pair? Você engordou? Você sobe andando.


Tudo bacana!
            
Mas nem dá pra se arrepender, a vista é fenômenal quando chega lá em cima.


                

Chegamos, andamos, tiramos fotos e resolvemos dar uma sentadinha de leve no castelo pra ficar admirando a vista! Foi quando a desgraça bateu em nossa porta. Vou contar o que aconteceu, mas você aí do outro lado não pode rir e nem tirar brincadeiras, ok?
Sabe aquela brincadeira de tampinha de refrigerante + bolinha vermelha = CADÊ A BOLINHA, GENTE? Aí você dá dinheiro, diz onde está a bolinha e ganha toda a grana que o cara tem na mão. Tava uma muvuca, todo mundo em cima desse homem, ganhando fortunas e a gente "nossa, que povo otário..como eles acreditam nisso?". Tinha gente ganhando e gente perdendo, aí a Cris resolve levantar pra ver de perto, e eu acompanhei..ficamos lá assistindo e sempre acertando onde estava a bolinha.

- Cadê a bolinha?
- EU SEI EU SEI EU SEI! (cris)
- 200 euros e você pega tudo que eu tenho.
- Pera.
- Ana, assim, sério? Você vai arriscar?

Ana tinha 150 euros, e deu o dinheiro pro cara.

- Onde está a bolinha?
- ALÍ MOÇO, ALÍ!

A bolinha não estava lá. Tava vazio, cor da madeira da mesa do cara. E só o que a gente ouviu foi "Ow I'm sorry".
Eu nunca me senti tão mal na vida, sabe quando você descobre que o seu namorado te traiu? É pior. Dor de dente? É pior. Pensa em algo ruim aí, e pensa que tem algo pior na vida, é isso. Ser feito de otário e assumir que você foi otário porque quis também.
A nossa cara foi de " " na verdade, não tem definição pra cara que a gente fez, porque foi TENSO, até tenho vontade de chorar quando lembro dessa história. E sabe o melhor? Todos os caras que estavam "ganhando" faziam parte de uma gangue, estavam todos juntos desde o começo, partiram juntos. =( Pode ser exagero sabe, mas de verdade, como essas pessoas conseguem dormir a noite? Tá, dormem ricas e felizes, mas espero que o mundo gire muito feio pra elas.
Depois do ocorrido, choros, reflexões..voltamos pra Peste e fomos ver o que tinha por lá, muita coisa.
23h30 o ônibus saía pra Praga e a gente não tinha lugar pra ficar, porque já tínhamos feito o check out do albergue, pegamos nossa mochila e fomos pra estação de trem (que fica ao lado da de ônibus) sentar lá de graça né. Tirando que antes disso a gente passou no supermercado pra gastar as 28372637 moedas que tinha sobrado, e não queríamos morrer com esse dinheiro, compramos quase o mercado todo e as moedas não acabavam, até que acabou.
Fomos expulsas da estação, porque fechava as 23h e lá fomos nós pra esquina pegar o ônibus com o cu na mão, medo dos ladrões de Budapeste , mas quando estávamos saindo da estação eu meto a mão no bolso e adivinha? ACHEI MAIS MOEDA! Gente, incrível! Quando a gente quer, não aparece! Aí estava com sede e vi uma máquininha de refri, aquela que você coloca as moedas, sorte que era exato tudo o que eu tinha, mas adivinha? A máquina estava quebrada, meu dinheiro lá dentro e fiquei sem nada pra beber.HUM LEGAL. Corremos pro ônibus e entramos, mas a Cris resolveu lançar a idéia de tomar Dramin .............................. O QUE É AQUILO? Eu tomei, deu 20 minutos e foi se eu tivesse levado um murro, eu BODEI mano, tinha horas que eu acordava e tentava manter meus olhos abertos e não conseguia, a parada é forte. A viagem pra Praga durou 6 horas e eu nem senti, pra mim poderia ter durado 12h que eu continuava dormindo no quentinho.

Mesmo com tudo isso, eu afirmo, a cidade é uma das coisas mais bonitas que eu já vi, andava sorrindo de orelha a orelha..foi tipo um sonho se realizando. Nem queria ir embora. =(




Lição:

De um jeito ou de outro o povo de Budapeste vai roubar dinheiro seu, até as máquinas participam do processo.


segunda-feira, 25 de outubro de 2010

bacana banana

Estou mor-ta, os olhos fechando..mas está tudo fresco na minha mente, vou aproveitar pra contar sobre minhas viagens. Hoje conto sobre Berlim! =)

Pra quem não sabe, tive 10 dias de moleza e fui viajar. Meus destinos foram: Berlim, Budapeste e Praga.

1. Berlim
Olha gente, não é a toa que falam da "sorte da família Benicio" porque a gente TEM UMA SORTE que eu vou te contar ein. Estava na estação esperando o trem, esperando que fosse aqueles chiqueees, com vagão restaurante, playground, lan house, sala de video game etc. Mas, quem disse? Chegou o trem..fiquei meio decepcionada, mas tudo bem. Notei que  os vagões tinham número, mas eu entrei em qualquer um pensando em procurar onde ficaria o meu assento quando já estivesse lá dentro. Perguntei pra um casal:

- Oi, você sabe onde fica esse vagão?
- Ahh, justo o vagão que não está funcionando hoje.
- Como assim não está funcionando? Eu paguei por um lugar e tal, COMO ASSIM NÃO ESTÁ FUNCIONANDO?

Fui tentar achar alguém do trem, mas naaada..fui parar no vagão 20 e nada de homem do trem. Agora PENSA no trem lotado mano, por um momento pensei estar no 205 indo pra Uninorte. Encontrei umas meninas e fiz a mesma pergunta, daí elas:

- Então, esse trem é sempre lotado..ninguém respeita número de cadeira, tem que esperar alguém levantar, aí você senta.

Eu, com uma mochila quase do meu tamanho nas costas em pé, passando pra lá e pra cá, derramando café dos outros..atrás de um lugar vazio. Até que quase todo mundo resolveu descer em uma estação lá e eu peguei qualquer lugar mano, é no vandalismo mesmo, né? Lá fiquei pra sempre até chegar em Berlim. O cara do trem apareceu e eu fui logo rodando a baiana afinal eu sou filha de Marcia Benicio , o cara riu da minha cara: Poxa, logo o vagão que não tá funcionando HA-HA-HA. Imagina minha cara de simpática......

CHEGUEI EM BERLIM! Minha querida companheira estava lá esperando ansiosa para me conhecer pessoalmente, porque gente, fui sem conhecer aquela louca, tudo pra não viajar sozinha, né? Depois de nos perder, chegamos na casa da boa criatura que nos aceitou no couch surfing e dormimos de graça. No outro dia nem tava frio ein? Fomos pro albergue, super tranquilo..parecia hotel. E o banheiro era coisa de Deus olha, um mooonte de cabine, nem tinha cara de gonorréia, era mais limpo que o daqui. 
Fizemos o free tour , você dá o dinheiro no final se você quiser, como é primeiro país..você tá rico, você dá. A cidade é realmente pura história, é liiiiinda, cidade grande mesmo. Aí fomos no campo de concentração, coisa de louco!!!!111 tenso mesmo, o clima é pesado. AH! Conhecemos um brasileiro no ônibus, e ele foi com a gente.
Lógico que nos perdemos na volta do campo de concentração, lugar mais sinistro da Alemanha, sorte que o tal brasileiro estava com a gente. Olha gente, vou falar ein, eu andava me cagando de medo de algum neonazista me atacar porque não sou ariana. PRONTOFALEI! via alguém careca, me arrepiava toda..depois de andar quase 30min errado, nos achamos. Nem tava frio ein? Enfim, fomos pra Potsdam no outro dia ou no dia depois, sei lá, uma cidade 1 hora de Berlim, coooisa linda! Cheia de castelo, grama bem  verde, folhas do Outono no chão..nossa, se meus olhos pudessem tirar fotos e mandar automaticamente pra vocês tudo que eu vi por lá..
Potsdam
Berlim

  No penúltimo dia no albergue, chegou uma coisa ESTRAAANHA no quarto, uma senhora falando alemão sozinha, só tinha lugar nas camas de cima e ela era um pouco acima do peso sabe..ela deve ter falado mal de todo mundo naquela língua estranha, todo mundo se olhava tipo "queporra". Ela achou a cama e tal, tinha que ser na do meu lado né? Porque né..fui tomar banho e quando voltei, vi isso.


Dona Menina dormindo.
                                        

Ela colocou essas bolsas estranhas, dormiu com roupa de frio..a cortina é apenas um detalhe! Coisas que você só encontra em albergue. Sem tirar, que ela deixava três bonés iguais em cima da cama quando ela saía. WTF?! hahahahah. Roncava igual homem e abria a janela com o clima de 3 graus.

Como eu estava morrendo de frio e o alemão que nos hospedou falou que tinha uma mercado na rua super famoso, que vende altas coisas legais e baratas fomos lá. Achei um casaco decente que finalmente fez meu frio passar e uma toquinha. Olha, que brega né? Nunca na vida me imaginei usando essa toquinha, sempre achei coisa de menino da Praça 14..mas tudo vale quando você não quer que a ponta da sua orelha congele.


Nem tava lotado.

PASSA A BOLSA, TIA!

Porque é assim que funciona, você viaja de mochilão e não pode levar mil roupas. Aí você leva a calça jeans que você está vestida e outra pra caso de emergência. Uma rasga e a outra quebra o zíper. 


Meu brinco caiu, abaixei e pronto.

Saca como tô malhada, ein? :P

Lições:

1. Não durma no trem em cidades que você não conhece, porque ele pode resolver ir pro lado contrário e você se ferra.
2. Não esquecer condicionador.
3. Levar chinelo.
4. Aprender termos históricos em inglês.
5. Comprar um tênis 12 molas.
6. Comprar um guarda chuva.










terça-feira, 12 de outubro de 2010

pior que..

Pior que estar doente e não ter ninguém pra cuidar de você, não conseguir sair da cama de tanto frio, não conseguir comer direito porque seu ciso tá nascendo, ter uma viagem marcada daqui 3 dias e não saber se vai estar bem até lá, seu telefone estar quebrado e não poder ligar pra sua família pra matar a saudade, passar um especial Coldplay na MTV e te deixar triste, não ter forças pra terminar de ler 100 páginas do livro, ter que andar de bicicleta no frio e saber que existe banda cover do Asa de Águia

..é não poder dar um abraço e um beijo na criança que você mais ama e desejar um "Feliz dia das crianças". :(

Te amo.



segunda-feira, 4 de outubro de 2010

who let the dogs out?

Tô viva pai!

Meu final de semana foi agitaaaaado e MUITO bom!

Andei de bicicleta em Amsterdam, me perdi, minhas amigas caíram no meio da rua, aprendi a ignorar a chuva e chegar pingando em casa, descobri que como muito mesmo..sei da onde meus 28936286 kg vieram, perdi o cabo da minha máquina, o Outono é lindo e minha super viagem vai ser em menos de 15 dias.



Vandalismo em Amsterdam



Fui transformada.

é isso!

Saudades, beijos!

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

mojitos

Não quer gastar dinheiro e fez amigos holandeses? Foi convidada pra uma festinha em casa com bebida de graça? Por que não ir?

De novo tive sexta-feira free (obrigada Deus) e fui pra casa da Taís comer uma lasanha e fofocar sobre essa nossa vida engraçada e falar mal dos outros. No sábado a jéssica veio aqui pra casa, me ajudar na festinha de aniversário do Tim, que foi muita tecnologia pro meu gosto, a família comprou um programa pela internet sobre espionagem e eles tinham que procurar as pistas pela floresta e depois falar com o agente secreto na internet, imagina a minha cara e a da jéssica de: Oi?
Tirando que não teve brigadeiro, coca cola e nem bolo de chocolate. O que rolou foi tomate, pepino, cenoura, batata frita, nuggets e suco de laranja. Qual é a graça?!
Nos arrumamos pra ir pra festinha, vieram nos buscar eeeeee..chegamos lá! Como o povo tinha que arrumar o lugar onde íamos ficar, ficamos na sala conversando com um menino que não falava muito sabe? Brasileiro e o seu costume de querer ser simpático, depois que o menino abriu a boca ..não parou mais. Contou toda a vida dele, querendo ser filósofo..e eu querendo matar a jéssica porque ela tinha perguntado o que ele fazia da vida..ou fui eu que perguntei? sei lá!
Aqui , pelo fato de "ah você só vai ficar aqui 1 ano, tem que experimentar de tudo, bebe isso aqui..e isso, e mais isso".

"EU NÃO QUERO MAAAIS"



Essa foi a foto mais espontânea que já tiraram de mim, não lembro quem foi, mas valeu.
Aí como sempre faço merda, quebrei um vaso de 20 anos da casa - BRINQQUEEEI! (mas eu não sei se era um vaso importante). Até hoje não sei o que foi que eu quebrei, passei minha perna e a parada caiu, vi vidro, catei, falei um 'desculpa' e fiz a fina.
Tirando que passamos a noite toda não sabendo o que estavámos ouvindo, tinha 237623 músicas no negócio pra escolher e não conheciamos nada!

Jéssiquiiiiita e eu!

Foi uma noite muuuuuuuuuito agradável! Acho que foi pra comemorar o aniversário do meu pai que estava rolando aí em Manaus, que eu já fiquei sabendo que foi até de manhã. Como eu amo meu novo-velhinho haha parabéns pai, já lhe falei tudo no telefone, não quero falar muito pra não começar a chorar. =)


Beeeeijos!

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

desastres da culinária que... deram certo.

O ócio do meu tempo off de manhã me faz ter pensamentos maliciosos...tipo COZINHAR!
Semana passada resolvi fazer um pudim. Fácil, rápido, tinha os ingredientes POR QUE NÃO, né?

Fiz tudo direitinho, mas na hora de derreter o açucar eu me perdi, sério, até hoje não sei o que rolou. Esqueci completamente como fazia o açucar derreter, fui no site da uol de culinária e lá falava pra colocar água com açucar..fiz, e não deu certo..eu também tinha esquecido que assim que o açucar (quente com água) entra em contato com algo gelado ELE ENDURECE FEITO PEDRA. Eu, como sou muito inteligente, quando vi que não tava derretendo nada..joguei tudo fora pela pia, mas endureceu tudo e entupiu a pia - NOTA 10 PRA REBECA - foi muito engraçado olha, eu fiquei muito desesperada, só Deus e o Tim que tava me olhando sabem, e o menino "rebeca, o que você fez?" nessas horas vem aquela vontade de dar um tapa na boca do menino e falar "CALA BOCA MENINO" haha. Depois de MUITA luta, detergente e a faca..consegui tirar de novo, mas como eu não canso de fazer merda..na 3a tentativa de derreter o açucar eu joguei de novo na pia e aconteceu a mesma merda HAHAH, eu sou inacreditável, né?
Enfim, tive que ligar pra minha mãe pra saber como raios eu fazia o açucar, ela me ensinou e rolou!

Coloquei no forno e saca como o "pudim" tava ficando..

Isso lá tem cara de pudim, mano?



Não esquecendo, eu liguei 2836782 vezes pra Taís desesperada e falei "esse pudim tá estranho, tem bolhas e tudo, o que eu faço?" ela disse que era pra deixar rolar né. Então eu deixei.

POR INCRÍVEL QUE PAREÇA FICOU COM GOSTO DE PUDIM!




Eu estava pensando em jogar fora sabe, porque não queria passar a vergonha de mostrar uma receita do Brasil e ninguém gostar. Tinha escondido na outra geladeira, os pais chegaram e a primeira coisa que as crianças fizeram foi contar sobre o pudim e ir LÁ NA OUTRA GELADEIRA pegar, pensou na minha cara de tensa? Quando eles cortaram..."UAU Rebeca, isso tá uma delícia". Comeram tudo haha. Vai entender, né?

O aniversário de uma das crianças foi ontem, e pensei : Por que não fazer um bolo de chocolate?

Mamãe me passou a receita, tudo lindo e fácil. Comprei as coisas e fiz.

Não tinha óleo e eu coloquei azeite, e só coloquei 2 ovos (o certo eram 3)

Fazendo figuinha, corrente de oração etc..o bolo ficou pronto, fui virar no prato e..

QUEBROU TODO! mas fiz uma mágica..


Sério, ficou uma merda né? Mas todo mundo a-d-o-r-o-u! 

Eu prefiro acreditar que eu sou muito sortuda mesmo.

Tá orgulhosa, mãe? E aí pai? Não mostra a foto do pudim pra vovó (a rainha do pudim) porque ela vai morrer de desgosto. HAHA


Beeeeeijos!

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

ai que sono

eaí moçada!

Meu final de semana começou na sexta dessa vez, e resolvi encontrar a piriguete da Jéssica em Eindhoven, uma cidade meio perto da onde eu moro. Passeamos, gastei o dinheiro que eu não tinha, olhamos olhamos e olhamos. No sábado encontramos as outras meninas, andamos, gastei o dinheiro que eu não tinha..e segue a mesma ordem do dia anterior..mas como sou abusada, já me instalei na casa da Lidia, que mora em Best, uma cidade vizinha. Encontramos de novo com as meninas por lá e fomos pra BALADINHA MÊW, pra vocês sacarem a parada, o bar fica na estação de trem haha e dizem que é um dos mais legais, se mete na estação de ônibus de Manaus mano................
Mas lógico que tinha que acontecer algo, a Lidia me tranquilizando "aah, eu tenho duas bicicletas, daí a gente chega mais rápido na estação" "UHU", mas a garagem estava trancada com a outra bike dentro, aí dei a idéia de ela me levar na garupa né, óbvio que não deu certo e eu caí de bunda no chão na primeira pedalada e tivemos que andar 263786283 km (Lidia, é longe sim!)
Foi minha primeira vez em uma festinha assim na Holanda, realmente toca de tudo..

Até..


"CHORANDO SE FOI, QUEM UM DIA SÓ TE FEZ CHORAAAAAR.."


Como faz?!

Acreditam? é galera, em português e tudo..muito orgulho ein (?)

cuStino a night em Best. (perceba como eu já estava com sono)


Tá um frio desgraçado na Holanda, só tenho vontade de dormir..é um sono INFINITO, queria ser um urso sabe, aí poderia hibernar todo o inverno. :(

Só mais 5 minutinhos, por favor..

Enfim, meu final de semana foi ótimo =)


Saudades!

Beijoooooos!

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

"alguém que eu possa contar.."

- Rebeca, o que você tá bebendo?
- Menina, um suquinho de limão..
- Rebeca mano....quero ver depois.


- Quanto tu tem?
- 2 reais
- 5 reais
- 3 reais
- Olha a mensagem que eu recebi "a preta gil vai pro show também?
- HAHAHAHAHAHAHAHA (por meia hora)


- Rebeca, sai daí..
- POR QUE?
-Porque a namorada do menino tá te olhando direito enquanto tu fala com ele.
- Ah tá hihi.

- Rebecah? caaaaaaaaaadê tu? eu tô na meeeeeerda rebecaaaaaaaaaa,meajuuuuuudaaaa ZZZZZzzzzzz

- A GATA DA TROPY TÁ AQUI!!

- AlÔ? Cara, meu carro não tá ligando!
- É bateria rebeca.
- Acho que não cara, socooorrooo..séério, vem me salvar!
(Rebecah foi buscar todo mundo em casa só pra ir me salvar, filmar, tirar foto..)
- ERA GASOLINA AHHAHAHAHAHAHAHHA LOOOSER.
- .............

- Cecília vai pro all hoje?
- Ela nem vai.
- Por que?
- Guardando dinheiro pro congresso..

- Vamos fazer churrasco na casa da becah proximo fds?
- Claro.

- Pra onde a gente vai hoje galeraa?
- Todo mundo vai se encontrar na casa da Cecília e de lá a gente resolve.
2 horas da manhã e todo mundo na casa da cecília....................


- AAAAAAH JÁÁÁÁÁ???????


- Alô? Então tia..é que a rebeca...ela....dormiu......PINPINPIN


Chegando na casa da Rebecah..
- Rebeca, o que aconteceu nessa festa cara?
- Não seeei maano, quando eu vii já tinha acontecido aí menina .............
- HUHUAHUHEUHAUHUEHUAHHAAHHAHHAHA

- 3 esfirras de queijo, 2 pasteis de queijo e um suco de laranja..

- Me empresta um vestido?

- Quem vai pegar a Cecília?

- A cecília tá te respondendo no msn?
- Não..
- Aqui também não.
- Liga pra ela
- ...........................

- Cecília? tava dormindo?
- oi?


- EAÍ BECA, ALL NIGHT HOJE?
- Tô sem dinheiro.

- BMW TÁ AQUI!!

- MAS A PASTA DIZ 12 HORAS DE PROTEÇÃO CARA!!111

- Se a Rebeca cair mais uma vez, eu não vou mais segurar..sério!
- PLEFT

- Ei, tá afim de ir pra House Deluxe?
- Tá doida? só pirralho.
- De graça mano.
- Lógico que nós vamos!


- Tá afim de fazer o que?
- Vamo comer sushi?
- De novo mano?

Sei lá, é tanta da história que eu tenho com vocês..obrigada por ter lembrado de mim e me passar a certeza que mesmo longe posso contar com vocês SEMPRE! Bom saber que conquistei amigas como vocês!


AMO MUITO!
                



    Nem preciso falar que tô com saudades, né?!